Poéticas do Silenciamento: experiências de interdito à linguagem nas ditaduras latino-americanas

Resumo: O presente projeto de pesquisa tem por objeto experiências traumáticas de interdição à linguagem elaboradas e expressas na produção artística coetânea e extemporânea e no material de propaganda oficial, no contexto das ditaduras latino-americanas. Arte e propaganda constituem os dois corpora sobre os quais o estudo se debruçará. Consideraremos, como hipótese inicial, que parte da arte produzida nos períodos de exceção carrega a marca destes regimes não apenas nas representações que produz, mas na própria (des)articulação das linguagens artísticas. Este estudo apoia-se na psicanálise como forma de acessar a produção/interdição de sentido tanto na arte quanto na propaganda.

Coordenadora: Profa. Dra. Ana Lúcia Vilela.