Weby shortcut 1a5a9004da81162f034eff2fc7a06c396dfddb022021fd13958735cc25a4882f
topo do site
Youtubeplay db0358e6953f0d0ec2cd240bca6403729d73b33e9afefb17dfb2ce9b7646370a

Livros - Nasr Fayad Chaul

 

Livros - Nasr Fayad Chaul

  voltar

 

AS CIDADES DOS SONHOS: desenvolvimento urbano em Goiás
Nasr Fayad Chaul e Luis Sérgio Duarte (Orgs). Ano: 2004. ISBN: 85-7274-229-8.

Reúnem-se aqui textos que sintetizam algumas das dissertações produzidas pelo Mestrado em História da Universidade Federal de Goiás. A história das cidades goianas reconstrói o processo pelo qual os valores modernos fixam-se no sertão: projetos de integração, nomadismos, culturas de migração, fronteiras de valores, processos de subjetivação.

 

HISTÓRIA POLÍTICA DE GOIÁS
Nasr Fayad Chaul e Luis Sérgio Duarte (Orgs.) Ano: 2009

Pensar a História de Goiás hoje é rediscutir os conceitos básicos que nortearam por décadas a produção historiográfica local. Chamamos a atenção para dois fatos que consideramos de extrema relevância enquanto historiadores: Goiânia, a capital sede dos dois maiores centros de difusão científica do Estado completou dia 24 de outubro 75 anos. Na capital, cidade planejada, concentra-se um esforço de síntese da história da colonização e modernização do Centro-Oeste.   

 

HISTÓRIA POLÍTICA DE CATALÃO
Nasr Fayad Chaul, Luis Palacín Gomez, Juarez Costa Barbosa. Ano: 1994. ISBN: 85-7274-017-1

Composta por três ensaios sobre Catalão (GO), esta obra oferece análises que se entrecruzam e se complementam, formando um painel que recompõe as raízes que deram à cidade um perfil marcado pelo emblema da violência. O livro enriquece a historiografia goiana e contribui para a compreensão de aspectos relevantes da história nacional, ao analisar o processo de urbanização da cidade, discutir o fenômeno do “coronelismo” e do “atraso” como resultado de políticas oligárquicas e reconstituir, de forma memorialista, as principais histórias de crimes da cidade.

 

A CONSTRUÇÃO DE GOIÂNIA E A TRANSFERÊNCIA DA CAPITAL
Nasr Fayad Chaul. Ano:1999. ISBN: 85-7274-146-1

De interesse especial para professores, alunos e estudiosos de História regional, esta obra enfoca a construção de Goiânia como um fato histórico vinculado diretamente aos movimentos de ocupação do Centro-Oeste. Após a análise dos aspectos econômicos e políticos que geraram o projeto de mudança da capital, são discutidos, de forma particular, aspectos ligados à questão da terra, do repasse de terras para o Estado, dos operários que trabalharam na construção da capital. 

 

CAMINHOS DE GOIÁS: da construção da decadência aos limites da modernidade
Nasr Fayad Chaul. Ano: 1997, 2002 (1 reimp.). ISBN: 85-7274-069-4

Dividida em quatro capítulos que alternam teorização e análise historiográfica, esta obra procura mostrar as bases ideológicas da construção do conceito de decadência na historiografia. Seguindo minuciosamente o itinerário de viajantes que percorreram a região no século XIX, o autor questiona as representações de pobreza e decadência então produzidas. Discute também a ideia de que o propalado atraso da região não passa de estratégia política dos grupos conservadores, em prejuízo dos interesses das forças oligárquicas progressistas. Por fim, estuda a representação da modernidade e do moderno, analisando a construção de Goiânia como expressão dessa modernidade.

 

CORONELISMO EM GOIÁS: estudos de casos e famílias
Nasr Fayad Chaul. Ano: 1998. ISBN: 85-87189-01-8

Mostra um estudo sobre as famílias de coronéis no Estado de Goiás entre 1889 e 1930. Estudando a política da época, a relação do coronel e o cotidiano, intervenção política dos Caiado em Goiás e citações de entrevistas dos Caiado.
É uma analise que contribui significativamente para o conhecimento deste fenômeno histórico.

 

GOIÁS: IDENTIDADE, PAISAGEM E TRADIÇÃO
Nasr Fayad Chaul, Paulo R. Ribeiro. Ano: 2001 ISBN: 85-7103-143-6

O livro Goiás: Identidade, Paisagem e Tradição vem para nos ajudar  a pensar a História Regional e seus desafios para o próximo milênio. Pensar os desafios da história regional, especificamente de Goiás, neste novo século, é também pensar a rediscussão de conceitos básicos que nortearam por décadas a produção historiográfica local. Antes, porém, de entrarmos no tema específico, gostaríamos de chamar a atenção para dois fatos que consideramos de relevância como historiadores: Goiânia, a capital sede dos dois maiores centros de difusão científica do Estado, está completando, neste 24 de outubro, 68 anos, sendo, portanto, uma jovem senhora no limiar, de sua adolescência juvenil; as duas maiores universidades da capital, Universidade Federal de Goiás (UFG) e Universidade Católica de Goiás (UCG), datam dos anos 1960 e o único Mestrado em História, o da UFG, é de 1972, possuindo mais de uma centena de dissertações defendidas, com cerca de 80% delas sobre temas regionais. Isso nos dá, hoje, a possibilidade de rever os conceitos e as idéias básicas que nortearam os principais trabalhos sobre a História de Goiás e influenciaram  a maior parte da historiografia local, carente hoje de um processo de rediscussão. Este é, a nosso entender, o grande desafio que enfrentaremos  nos século XXI, uma história revisitada em seus marcos básicos, não bastando para isso que alguns historiadores dos questionem com a simplificada idéia de que quando rediscutimos a idéia de decadência estamos apenas construindo outro estigma. É essa, também, a importância deste livro ao se somar aos esforços de tantos, no sentido de traduzir um pouco este ainda desconhecido Goiás. 

 

  

Para visualizar os arquivos no formato PDF é necessário ter instalado o programa Acrobat Reader. Clique aqui para baixar.

 

Listar Todas Voltar